Folha de São Paulo - 28.01.2020

(Chris Devlin) #1

aeee


mercado


A16 Terça-Feira,28DeJaneiroDe 2020


Fabricantes brasileiros de máscarascirúrgicaseaven-
tais hospitalares começamarelataraumentonointe-
ressepelos produtos, que já estão emfaltanopaís asi-
ático, onde milharesdepessoasforaminfectadas pe-
lo coronavírus.AbrasileiraSkyDescartáveis afirma
tersidoprocuradaporumafornecedorachinesa pa-
raajudarnareposiçãodosestoques.Segundoaem-
presa,aescassezfoi agravadapelascomemorações
do AnoNovolocal, que interromperamaprodução.

Respiração


ImunIdadeOprodutotam-
bém já despertaatenção no
Brasil. A 3 Mdiz tersidoprocu-
rada por clientes interessados
em saber sobreaeficácia dos
itensesua disponibilidade. A
empresa afirma queatéomo-
mento não há impactonaven-
daeprodução de máscaras.

espIrroOs mercados de luxo,
belezaeoutros setoresmais
expostos aosgastos deturis-
taschinesesforamatingidos
pelocoronavírus.NasBolsas
pelomundo,ações de empre-
sascomoLVMH, da LouisVuit-
ton, aKering,daGucci,eaco-
reana decosméticos Amore-
pacific sentiramobaque.

FuturoUma semana antes
do surtodecoronavírus,opre-
sidentedeuma grande empre-
sa diztersugerido que preci-
savade um sabáticoparaes-
crever um livrodeficção apo-
calípticasobre como as aglo-
merações urbanas da China
eaproduçãodeanimais em
larga escala provocariamum
ambientefértilaepidemias.

desFechoEleterminariaoli-
vrocomabuscapor um esti-
lo de vidacampestrecomce-
lular,uma misturadautopia
do bom selvagem deRousse-
au, mascomatecnologiaàdis-
posição,emreferênciaaMarx.
Adiretoria da empresavetou,
dizendo que ele alimentaria
pâniconos mercados.

maIsbrancoOMinistérioPú-
blicoFederal abriu inquérito
paraapurar irregularidadena
ocultação da abrasividade de
pastasdedentevendidasno
Brasil. Entidadesdeodonto-
logiaquestionamaquantida-
dede informações disponíveis
nas embalagens.

dIreçãoOLinkedInvoltou
aabrigarvagasque nãoexis-
tem.Nofim de dezembro, a
rede ofertou postos de moto-
ristas no Rioparaaempresa
americanaLyft,rival da Uber
nosEUA,masastartup ne-
gaterplanos de vir ao Brasil.

mapaSegundoaplataforma,
houveumproblematécnico
porque um siteparceiropu-
blicouvagasemRio Rancho
(EUA). Quandoforamredire-
cionados paraoLinkedIn, po-
rém, os postos apareceram na
capitalcarioca. Em outubro, o
Painel S.A. mostrou 80 milva-
gasinexistentes no LinkedIn.

FarturaEnquantoomerca-
do de inteligência artificialse
preocupacomaretençãode
mãodeobranoBrasil,aSte-
faninivê aAméricaLatinaco-
moapróximagrandefonte
detalentosnoassunto. Foio
que apontou MarcoStefanini,
presidentedamultinacional
de TI brasileira, em Davosna
semana passada.

FronteIraNaavaliação do
empresário,“omundo ante-
riordatecnologiadainfor-
maçãofoidominado pela Ín-
dia, porém, hácaracterísticas
queomodelo deles nãoaten-
de mais”.Adistância de fuso
horárioprecisaser menor,os
talentos devemser maisseni-
oreseasdiferençasculturais
não podem sertãofortes, diz.

mIgração“Quandoacultu-
ra émuitodiferente, ficadifí-
cil desenvolver um aplicativo.
Todos essesaspectos nos aju-
damapensaraAméricaLati-
nacomo umafontedetalen-
tosparaaAméricadoNorte”,
dizStefanini, autor de umca-
pítulodanovaedição dorela-
tóriodecompetitividade glo-
bal detalentos do Insead.

VItrolaOMinistério da Eco-
nomia abriuconsulta públi-
ca paraestabelecerasregras
paraaprodução de discos de
vinilcomincentivos fiscais
na ZonaFrancadeManaus.
Segundoapasta,amedida
respondeaumpedidofeito
por uma empresa interessada
em se instalar naregião.

VerãoAdespeitodeseure-
novado discurso de que espe-
ra verumaredução doconte-
údo ideológiconopaís, Lucia-
no Hang,dono da Havan, di-
vulgou nestasegunda ( 27 )um
vídeocomnovas provocações
aoex-presidente Lula.

noarOempresárioaparece
dizendo que lançou mais uma
frase paraexibir emfaixas nos
aviões que sobrevoam praias
deSantaCatarina. “Eucomo
pé na areiaeLula nacadeia”
éanovamensagemdeHang.

VItrIneNesteano,oempre-
sário vaiexpandir suarede no
Nordeste, em destinos onde
oPTtemforçapolítica. Ques-
tionado setemreceio de boi-
cote por partedoeleitorado
petistanaregião,ele diz que
trabalha pelo paísenãoéfili-
adoanenhum partido.

INDICADORES


JoanaCunha
painelsa@grupofolha.com.br
pAINElS.A.


JuROS iMPOSTO De ReNDA

CONTRiBuiÇÃO
ÀPReViDÊNCiA

eMPReGADOS
DOMéSTiCOS

*Oprazoparaempresasvencenodia 20 .fev
e, parapessoasfísicas,venceem 17 .fev

*Oprazoparaopatrãodadoméstica
vencenodia 7 .fev.Aguiadepagamento
dos patrõesincluiacontribuiçãoao
INSSdo empregadoredadoméstica,
oFGTS,amultaparaademissão
eosegurocontraacidentes.A
contribuiçãoaoINSSdadoméstica
podeserdescontada deseusalário

Competênciajaneiro*

Janeiro,em%ao mês

ConsiderandoopisonacapitaleGrandeSp
Autônomo,empregadorefacultati vo
Valor mín. r$ 1. 03920 %r$ 207 , 80
Valor máx. r$ 6. 101 , 0620 %r$ 1. 220 , 21
Mei(Microempreendedor)
Valor mín. r$ r$ 1. 0395 %r$ 51 , 95

empregado

empregador

97 , 28

243 , 20

De 8 %
a 11 %
20 %

671 , 11

1. 220 , 21

Assalariado
atér$ 1. 830 , 29 8 %
De r$ 1. 830 , 30 atér$ 3. 050 , 529 %
De r$ 3. 050 , 53 atér$ 6. 101 , 06 11 %

Alíquota

Máximo
em R$

Alíquota

Alíquota,
em %

Deduzir,
em R$

EmR$

Mínimo
em R$

até
1. 903 , 98
De 1. 903 , 99
até 2. 826 , 65
De 2. 826 , 66
até 3. 751 , 05
De 3. 751 , 06
até 4. 664 , 68
acima de
4. 664 , 68

142 , 80

354 , 80

636 , 13

869 , 36

isento

Fonte:procon-Sp

MínimoMáximo

Cheque
especial

empréstimo
pessoal

7 , 998 , 00
3 , 99

7 , 89

7 , 5

15

22 , 5

27 , 5

comFilipeOliveiraeMarianaGrazini



  • ThiagoResende


BRASÍLIACriticadapelopresi-
denteJairBolsonaro, aajuda
para quefamiliares de presos
não fiquem desemparados so-
freu umaqueda significativa.
Oauxílio-reclusãorecuou
paraoatendimentode 31 , 7
milfamílias no ano passado,
menorcoberturadesde 2010
( 29 , 5 mil benefícios).
Desdeacampanha,aequipe
deBolsonaroataca essa ajuda
pagaadependentes,como mu-
lheresefilhos,depresidiários.
Esse auxíliotemoobjetivo
de proteger parentes que,com
aprisão, podem ficar semren-
dae, nocaso de jovens, aban-
donaraescolaparatraba-
lhar.Odinheiroérepassado
apenas quandoafamíliaéde
baixarendaeopreso contri-
buía paraaPrevidência Soci-
al,oque,geralmente, ocorre
comtrabalhadoresformais.
Numa das primeirasmedi-
das dogoverno,opresidente
endureceu asregras parater
acessoaesse benefício.
Com isso, aquantidade de
auxílioscaiu de 45 , 4 mil, em
2018 ,para 31 , 7 mil no primei-
ro ano dagestãoBolsonaro.
Noperíodo,onúmerode
detentos no Brasilvemcres-
cendoeultrapassaamarca de
800 mil, segundooCNJ (Con-
selhoNacional deJustiça).
OIBDP (InstitutoBrasilei-
ro de Direito Previdenciário)
temaavaliação de queare-
dução dos auxíliosterá efei-
tosocial negativoepouco
impacto nascontas públicas.
“É uma perfumaria, naver-
dade.Ogasto comauxílio-re-
clusãoémuitobaixoe,com
as novasexigências,famili-
ares podem ficar desampa-
radosesem proteção”,afir-
mouapresidentedoIBDP,
Adriane Bramante.
Segundo dados do INSS
(InstitutoNacional do Segu-
ro Social),adespesa mensal
comauxílio-reclusãorecu-
ou deR$ 46 , 7 milhões para
R$ 34 , 3 milhões entre 2018 e
oano passado.
Essesvalores são poucosig-
nificativos paraorombode
aproximadamenteR$ 240 bi-
lhõesparaoregime previden-
ciário dos trabalhadoresda
iniciativaprivada em 2020.
Atualmente,ovalor mé-
dio do auxílio-reclusão é
de R$ 1. 079 , 74 —poucoaci-
ma do salário mínimo,que
subiráparaR$ 1. 045 , 00.
Desde janeirodoano pas-
sado, passouaserexigidoum
período de 24 meses decon-
tribuições ao INSS paraque
osfamiliares do presidiário
recebamodinheiro.Antes
não haviacarência.Bastava
tercontribuído umavez.
Além disso,Bolsonarode-
terminou queoauxílio-reclu-
sãosejapagoapenasadepen-
dentes de quem estáemregi-
mefechado,enão mais parao
preso emregimesemiaberto.
OINSS nãotemdados so-
brequantos pedidosforam
negados por não se encaixa-
remnas novasregras.
Ogovernodiz queosistema
de seguridade socialnão po-
de ser visto como umapolíti-
ca desegurançapúblicaede-
fende que as alteraçõestorna-
ramoprocesso deconcessão
do benefíciomaiscriterioso.
Um dos argumentoséque
praticamentetodos os be-
nefícios do INSSexigiamca-
rência,oque não havia para
oauxílio-reclusão.
Masotempodecontri-
buiçãoexigido ( 24 meses)é
superior aorequisito,por
exemplo,aoauxílio-doen-
ça ( 12 meses)eao salário-

Alvo de Bolsonaro, ajuda


afamília de presoscaiao


menor nível desde 2010


auxílios-reclusãorecuam de 45,4mil para31,7 mil em um ano,depois


de governo endurecerregras; benefícioécriticadodesdeacampanha


Caionúmero deauxíliosaparentesdepresidiários

Número de benefícios

R$ 1. 079 , 74
éovalor médio
do auxílio-reclusão

31 , 7

44 , 2 44 , 1 46 ,^947 ,^545 ,^4
43 , 2
37 , 9
33 , 2
29 , 5

2010 2011 2012 2013 201420152016 2017 2018 2019

Total gastocom obenefício
emR$ milhões

emmilhares

emmilhares

2015 20162017 2018 2019

34 , 3

44 , 2 47 ,^546 , 7

36 , 8

Aposentadoria rural

pedidos
analisados

pedidos
concedidos

pedidos
recusados

2018 2019 2018 2019 2018 2019

491 , (^7478) , 8
295 , 9
241 , 8
195 , 8
237
Mudanças em vigor desde janeirode 2019



  • Carência de 24 meses de contribuição ao INSS paraterdireito
    aauxílio-reclusão

  • Auxílio-reclusão passaaser pagoapenas para dependentes de quem
    está noregime fechado,enãomais no semiaberto

  • Revogação da possibilidade decomprovação de atividade no campo
    por meio de declaração do sindicatodos trabalhadores rurais


Fonte:INSS(InstitutoNacionaldoSeguroSocial)

maternidade( 10 meses).
Aequipeeconômicadefen-
de queamudançafoi paraco-
ibir fraudesetornarobene-
fíciosustentável, pois, antes,
comapenas umacontribui-
çãoaoINSS,opresidiáriopo-
deria deixar um auxílioade-
pendentespor muitotempo.
Duranteareforma daPre-
vidência,otimedo minis-
troPauloGuedes (Economia)
propôs uma limitaçãoainda
maior ao auxílio-reclusão.
Apropostaera que somen-
te quemganhasseatéumsa-
lário mínimo poderia deixar
obenefício para os dependen-
tes. Atualmente, essetetoéde
aproximadamenteR$ 1. 400.
OCongresso derruboues-
sa ideia ao analisaraPEC
(PropostadeEmendaà
Constituição)dareforma
daPrevidência,mas apro-
vouaMP (medida provisó-
ria),dejaneirodoano pas-
sado,que criouacarência
parater acesso ao benefício.
Namesma MP,adotada
em janeirode 2019 ,ogover-
notambémmudounormas
paraaposentadoria rural.
Bolsonaroacaboucoma
possibilidade decomprova-
çãodeatividade nocampo
por meiodedeclaração do
sindicatodos trabalhadores
rurais. Em troca,otrabalha-
dor rural podefazeruma au-
todeclaração deatividade no
campo,cujaveracidade será
comprovada por órgãos pú-
blicos. Com isso, cresceuare-
jeição de pedidosdeaposen-
tadoria desse tipo no INSS.

Em 2018 ,dos 492 milreque-
rimentosanalisados, 296 mil
foramconcedidose 196 mil
foramnegados.Ataxadere-
cusa,portanto, foideapro-
ximadamente 40 %.
Noano passado,quando as
novasexigências passaram a
valer,esse índicesubiu.
Aténovembro, foramde-
cididos 479 mil.Desseto-
tal, 242 milforamacatados,
e 237 mil,rejeitados, ou seja,
praticamente ametade.
“Houveindeferimento
dosrequerimentos de aposen-
tadoria rural em queoreque-
rentenão possuía nenhum
outromeio de provadeque
exerciaatividade rural além
da declaraçãoemitida pelo
sindicatodacategoria ou da
colônia de pescadores”,infor-
mou, em nota,oINSS.
Oaumentodos indeferi-
mentosgerouummal-estar
comparlamentaresligados
àbancadaruralista.
Os deputados Heitor Schuch
(PSB-RS)eVilson daFetaemg
(PSB-MG)sereuniramcom
técnicos do Ministério da Eco-
nomia parapedir explicações
sobreocaso.Além disso, rea-
lizaram umaaudiência públi-
ca na Câmara, no mês passa-
do,paradiscutirarejeição a
pedidos de aposentadoria.
Diantedapressão,oINSS
fezajustes na autodeclara-
çãoexigidaatrabalhadores
rurais. Duranteaaudiência,
técnicos dogoverno afirma-
ramqueobenefício não será
negadoaquemtemdireito
dereceberaaposentadoria.

$
Oque é
OAuxíliO
Benefício pago
pelo inSS aos
dependentes
de trabalhador
preso;épago
umauxílio
porfamília

Valor
Salário mínimo

quem
temdireito
amédiacom
as 12 últimas
contribuições
do segurado
ao inSSnão
pode passar
de r$ 1.319,18;
além disso,o
segurado preso
precisaterfeito
um mínimo de
24 contribui-
ções ao inSS

Duração
Se ocasamento
ou união
estável tiver
menos de dois
anos,oauxílio
serápago
por quatro
meses; pode
ser vitalíciose
odependente
tiverapartir
de 44 anos
Free download pdf