PCGuia266-Março-2018-opt

(NONE2021) #1

8 / PCGUIA


Ready Player Two


S


im, estou pronto para dar continuidade à crónica
de opinião que até aqui foi tão bem redigida pelo
Alexandre Silveira. Sei que não será uma tarefa fácil,
mas mais difícil seria dizer não ao convite de um amigo
(Pedro Tróia) para partilhar as minhas opiniões sobre os
mais diversos temas tecnológicos.
Se, por um lado o dualismo PC/Mac perdeu a relevância
necessária para manter uma dupla visão sobre um
mesmo assunto, por outro a ubiquidade da tecnologia
deixa-me confortável para introduzir mensalmente novos
conceitos e ideias. Com a coluna Conceito Humanoide
alargo o seu círculo de alcance para fora das plataformas
digitais e do reservado círculo de amigos. No entanto,
tal como faço com eles, espero poder também aqui,
ser recompensado com opiniões e outras perspectivas
que me ajudem a compreender melhor estes conceitos.
Até porque é a partilha de conhecimento com base em
experiência própria que assegura a melhor transferência
de informação. Mas vamos partir da base de que a Terra é
redonda, ok?

Conceito Humanoide


Tecnicamente, já dispomos de todas
as ferramentas para que a informação
seja verdadeiramente livre, mas não
progredimos para que tal aconteça.

Sinto o orgulho colectivo de viver na era em que a
informação é o maior poder, mas lamento a constante
degradação da liberdade da própria informação.
Tecnicamente, já dispomos de todas as ferramentas
para que a informação seja verdadeiramente livre, mas
não progredimos para que tal aconteça. Acusamos
os algoritmos dos motores de busca ou até mesmo os
sistemas preditivos das redes social por servirem os fins
comercias das empresas que os desenharam.
No entanto, privilegiamos a facilidade e a comunidade
que estes serviços “gratuitos” nos fornecem. Entregamos,
consciente e inconscientemente, terabytes de informação
pessoal, sobre tudo o que nos rodeia, e expomo-nos a
uma amalgama de informação “personalizada” que nos é
extremamente aprazível, sem a consciência de com esta
nos molda como humanoides reprogramáveis. Sendo
esta apenas a primeira de muitas razões, que fazem da
consciência tecnológica uma habilidade essencial que
todos devemos exercitar, querendo eu apenas ser um
motivador desse exercício.

ANDRÉ GONÇALVES
concept@humanoid.net

SAMSUNG LANÇA SSD DE 30 TB


n A Samsung criou um SSD SAS (Serial Attached SCSI) de 30,72 TB
para os clientes empresariais. A solução de armazenamento de 2,
polegadas PM1643 tem 512 GB de memória flash V-NAND 64-layer
e oferece aos utilizadores velocidades sequenciais de leitura e de
escrita de 2100 MB/s e 1700 MB/s, respectivamente, assim como uma
velocidade de leitura aleatória até 400 mil IOPS e uma velocidade de
escrita aleatória que pode rondar os 50 mil IOPS.
A empresa sul-coreana também fez saber que o SSD PM1643 utiliza
a tecnologia TSV (Through Silicon Via) para interligar os chips DDR
de 8 GB DDR4. O PM1643 oferece ainda um MTBF (Mean Time Between
Failures) de dois milhões de horas. A Samsung já está a planear
lançar versões do SSD PM1643 com 800, 960 GB, 1,92 TB, 3,84 TB, 7,
TB e 15,36 TB de capacidade. De salientar que estes modelos vão
chegar ao mercado antes do final do ano.

JÁ SÃO CONHECIDAS


AS ESPECIFICAÇÕES DO HTC DESIRE 12


n No site Android Authority, já é possível ver as especificações
de um novo smartphone Desire da HTC, depois de o site ter
tido acesso à caixa do terminal. De acordo com as informações
divulgadas, o Desire 12 está equipado com um chipset quad-core
da MediaTek, 3 GB de memória e 32 GB de espaço de armazenamento,
expansível através de um cartão de memória microSD até 2 TB.
Este smartphone dual SIM de 5,5 polegadas tem um ecrã com
resolução de 1440 x 720 e um rácio de 18:9, uma câmara traseira com
um sensor de 12 MP (que permite a gravação de vídeos 1080p), uma
câmara frontal de 5 MP, uma bateria de 2730 mAh e ligações 4G LTE,
Wi-Fi 802.11 a/b/g/n e Bluetooth. A HTC deverá dar a conhecer
o Desire 12, assim como o smartphone topo de gama U12,
nas próximas semanas.
Free download pdf