(Evandro) #1

Matemática Básica Explicada Passo a Passo I Luiz Cláudio Cabral e
Mauro César Nunes ELSEVIER
Série Provas e Concursos


Portanto, cada prateleira terá a seguinte quantidade de papel sulfite:
1 a prateleira: 2n = 2 × 7 = 14 pacotes de papel sulfite.
2 a prateleira: 2n + 2 = 2 × 7 + 2 = 14 + 2 = 16 pacotes de papel sulfite.
3 a prateleira: 2n + 4 = 2 × 7 + 4 = 14 + 4 = 18 pacotes de papel sulfite.
4 a prateleira: 2n + 6 = 2 × 7 + 6 = 14 + 6 = 20 pacotes de papel sulfite.
Gabarito: C


  1. Em uma sequência de cinco números consecutivos, o termo central é ímpar. Sabendo-se
    que o maior dos números ímpares é o quíntuplo do menor menos 16 unidades, então
    a soma dos termos pares vale:
    a) 10.
    b) 14.
    c) 16.
    d) 18.
    e) 20.
    Resolução:
    Inicialmente, lembraremos as representações dos números naturais ímpares e
    pares, em função de “n”. Sendo n = 0, 1, 2, 3, 4, 5, ...
    Número par qualquer: 2n  Número ímpar qualquer: 2n + 1
    Uma sequência formada por cinco números consecutivos, em que o termo
    central é um número ímpar, pode ser escrita por:
    (2n + 1 ; 2n + 2 ; 2n + 3 ; 2n + 4 ; 2n + 5)
    Sabendo-se que o maior dos números ímpares é o quíntuplo do menor menos
    16 unidades,


( )

2n 5 5 (2n 1) 16 2n 5 10n 5 16 2n 10n 5 5 16

8n 16 ( 1) 8n 16 n^16 n 2
8

+=×+−⇒+=+−⇒−=−−

−=−×−⇒=⇒=⇒=

Os referidos números serão:
(2 × 2 + 1 ; 2 × 2 + 2 ; 2 × 2 + 3 ; 2 × 2 + 4 ; 2 × 2 + 5)
(4 + 1 ; 4 + 2 ; 4 + 3 ; 4 + 4 ; 4 + 5)
(5 ; 6 ; 7 ; 8 ; 9)
A soma dos números pares será: 6 + 8 = 14
Gabarito: B


  1. A soma de três múltiplos consecutivos de 7 é 210. A soma dos valores absolutos
    dos algarismos do maior desses números é:
    a) 7. d) 14.
    b) 9. e) 15.
    c) 11.
    Resolução:
    Para que um conjunto formado por números naturais seja múltiplo de 7, seus
    valores devem ser de tal forma que formem um sequência numérica crescente com